Tuesday, November 22, 2005

Não sei, não sei. Não devia de estar relembrando isto, contando assim o sombrio das coisas. Lenga-lenga! Não devia de. O senhor é de fora, meu amigo mas meu estranho. Mas, talvez por isto mesmo. Falar com o estranho assim, que bem ouve e logo longe se vai embora, é um segundo proveito: faz do jeito que eu falasse mais mesmo comigo.


-Quem acertar de quem é ganha uma rosa.

3 Comments:

Anonymous Aída said...

achei que vc nao fosse atualizar nunca. =*.

6:44 AM  
Anonymous Anonymous said...

fred
ola tava com vontade de te dizer q te amo,entaum vim aqui te dize isso
te amo
=*

5:52 PM  
Anonymous Anonymous said...

parece g rosa. parece... ou eu q nao esqueço ?
paula

4:05 PM  

Post a Comment

<< Home